quarta-feira, 21 de outubro de 2009

Abel

Abel é o primeiro romance de António Sabão, também conhecido como Sabão Magro. Trata-se de um romance entre Caim e Abel, homens sexuais, em que um mata o outro por ciúme da serpente que não lhes deu uma maçã e disse que não gostava nem de um nem do outro. Bai daí Caim mata Abel. Abel deu luta mas não adiantou pois Abel tinha uma metralhadora e fodeu o outro! E blá, blá...se quiserem saber mais comprem o livro! Nas bancas (BPN, BCP, BPP, CGD...etc) breve... mente!

4 comentários:

Paula Raposo disse...

Lololol a tua imaginação é imensa!! Beijos.

Korrosiva disse...

No BPN???

DASSE!!!!

beijinhosssss

Bombastic disse...

Eu diria grande ... mente.

Só para informar que saquei um cartoon, editei e coloquei no blog...
...espero não ter cometido nenhuma profanação.

abraço

Zeka disse...

O Abel já tava todo fodido, mesmo antes de o Caim o matar!
Se reparares o gajo tinha um testículo de cada lado da piroca em vez de por debaixo como toda a gente (homens claro).
Ao fim e ao cabo o Caim só lhe fez um favor...

Abraço