sábado, 4 de julho de 2009

Mesmo farto de políticos
Ainda lhes vejo o contorno
Mas coisa de que não gosto
É que me chamem de corno!

4 comentários:

Paula Raposo disse...

Uma quadra fixe!! Boa! Beijinhos.

Bernardo Moura disse...

Áh, poeta do camandro!

:)

Ab

PreDatado disse...

Este só lhe chamou corno,
foi-se e não lhe choro a perda,
mas foi um gesto meio-morno.
(E o almirante bardamerda?)

aDesenhar disse...

Dois em um
cartoonista
e poeta
:-)

abraço

Dia onze vens rabiscar umas caricaturas(?!)
As bjeKas já estão a arrefecer.