quinta-feira, 12 de março de 2009

É uma mulher...

É uma mulher em tensão, na iminência da libertação. Orgásmica ou raivosa, não sei bem, ambas as manifestações são muito parecidas por vezes. Tem muito de agressiva, de musculada, de masculina. E um coração enorme, que vai do peito ao púbis. Está a gritar, não sei se de dor se de prazer, se calhar das duas coisas. Inquieta-me, quero arranjar-lhe um sítio confortável onde ela possa ficar e expressar-se à vontade.

1 comentário:

cassamia disse...

... bolas....
deixaste-me sem palavras.....