segunda-feira, 14 de julho de 2008

Joãozinho vai a farmácia. - Seu Joaquim, me dê uma caixa de supositórios. Distraído, o menino pega a caixa e vai saindo da farmácia sem entregar o dinheiro. - É pra pôr na conta de sua mãe? - Pergunta o farmacêutico. - Não, é pra pôr no cu do meu pai!

3 comentários:

D.Antónia Ferreirinha disse...

O pai estava com febre, :-)))))
Beijinho.

António Sabão disse...

Pois! Se não estivesse é que era estranho! :)
Beijinho retribuido

Bernardo Moura disse...

HAHAHHAHAHAHAHAH!!!
MUITO FIXE!
:)