quinta-feira, 10 de julho de 2008

Havia um casal que tinha dois filhos, um muito optimista e outro muito pessimista. Certo dia, fartos do optimismo de um e do pessimismo do outro, decidiram encher o quarto do pessimista de brinquedos, e o quarto do optimista de estrume. Horas depois, querendo ver resultados, foram ao quarto do pessimista para ver como este reagiu. Abriram a porta e lá estava o pessimista encostado num canto a chorar. Diz-lhe então a mãe: - Então filho?! Não brincas com os teus brinquedos novos? Responde o pessimista: - Não posso!... Tenho medo de os estragar! Desapontados com este, dirigem-se de seguida ao quarto do optimista. Abrem a porta e vêem este todo contente a mexer no estrume. Pergunta então o pai: - Ó filho?! O que é que estás a fazer? Responde o optimista: - Vocês não me enganam! Eu sei que o pónei está aqui escondido!...

5 comentários:

Alfredo Caiano Silvestre disse...

Ah! Ah! Ah!

Formação Barcelos e Fonseca.

Paula Raposo disse...

Sem dúvida!! É essa a grande diferença...beijos.

Bernardo Moura disse...

BOA!
:)

xico man disse...

EHEHEHEHEHEHEH tÁ bOA!!!!!

:))))))()()()()()()))))))

D.Antónia Ferreirinha disse...

Optimista, meu querido menino , continua a procurar a agulha no palheiro, ou será o ponei no estrumeiro?
Rsrsrsrs.
Nem um oito, nem um oitenta.
Beijinho.